sexta-feira, 22 de agosto de 2014

Resenha: Xeque-mate - de Dill Ferreira

 

Foi com imensa alegria que recebi da autora Dill Ferreira seu manuscrito para leitura e posteriormente resenha. Venho hoje apresentar seu mais novo filho que terá seu lançamento dia 31 de agosto na Bienal do Livro SP pela Editora Modo. Vamos conhecer, Xeque-mate, um livro que fala de encontros e desencontros com uma pitada de sensualidade, romance e suspense.
Xeque-mate
Dill Ferreira
Editora Modo
"Tente Bloquear o amor e ele se revelará seu maior adversário."


Sinopse: Depois de conhecer o belo e misterioso Marcus, no badalado Carnaval carioca, e ser abandonada por ele, Thaissa retoma sua rotina carregada de boas lembranças e um desejo intenso de algo que ficara inacabado e a atormentava constantemente. Enquanto tentava, sem sucesso, esquecer-se das carícias e dos beijos que partilharam surge a sua frente o novo sócio da empresa de seu pai. E ele é nada mais nada menos que Marcus, o homem que tumultuava seus pensamentos. Começará aí um jogo de paixão, luxúria, mágoa e intrigas. Em que o destino, usando de suas artimanhas, lhes colocará frente a frente para o confronto final. Onde vencerão juntos, ou ambos sairão perdedores. Quem será o grande vencedor nesse jogo de amor?


Resenha

Foi no Carnaval, no camarote do Sambódromo que Thaíssa Guerra conheceu Marcus, o homem mais belo e sensual que já vira na vida, dono dos mais belos olhos de cor cinza e um sorriso tão atraente que lhe tirou o ar dos pulmões. A Atração foi recíproca, Marcus se viu enfeitiçado pela morena de cabelos longos e negros de olhos cor esmeralda e um corpo escultural que mexia com todos seus sentidos. 

Após duas noites conhecendo-se, trocando olhares e sorrisos de maliciosos, Marcus simplesmente vai embora e não se despede de Thaíssa, deixando-a "à ver navios", um tanto confusa, pois sabia que estavam se entrosando, acreditava até da possibilidade de acontecer um "amor de carnaval". Mas, nem imaginava o que dera errado a ponto de ele "fugir" de algo tão agradável que estavam vivendo. 

Enfim, o tempo não para, a vida continua, Thaíssa volta para Goiânia a fim de retornar as suas atividades normais e esquecer assim o que vivera com Marcus, sabia que não fora nada profundo, mas algo nele deixou-a perturbada, sentia que faltava-lhe algo. Que poder tinha aquele homem que lhe bastou duas noites em sua companhia para sentir-se tão abalada? 

Filha do sócio majoritário de uma empresa de publicidade, Thaíssa trabalhava ao lado do pai, auxiliando-o e sendo seu braço direito. Era muito solícita e por sua competência inigualável já era vista pelos acionistas como a candidata certa para continuar o legado de Sr.André Guerra. O relacionamento entre pai e filha não era de perfeita harmonia, quando sua mãe estava no ultimo estágio do câncer, Sr.André envolvera-se com uma funcionária e afastou-se da família para viver a aventura amorosa com Letícia. Thaíssa se viu sozinha na luta pelo bem-estar de sua mãe, até o ultimo minuto de vida ela se manteve forte e quando ela morreu, seu pai não estava lá pra consolar e segurar sua mão.

O inevitável aconteceu, Letícia conquistou a confiança de André a ponto de conseguir parte das ações da empresa, feito isso, ele não teriam mais serventia pra ela, enxotou-o de sua vida e assumiu seu cargo de acionista participante da empresa. Além de destruir sua família, Letícia diariamente tirava a paz de Thaíssa, com seu jeito arrogante e seu inacabável veneno. Viviam em pé-de-guerra e quando o assunto era Thaíssa e Letícia, todos temiam pelo pior.

Se não  bastasse ter Letícia em sua cola, Thaíssa foi surpreendida com uma notícia bombástica, e mais surpresa ficou quando deu de cara com Marcus, o novo acionista, dono de 20% das ações, trabalharia diariamente ao lado dela, esbanjando masculinidade, sarcasmo e pecado. Ele estava mudado, tinha algo que a intrigava, era gentil e profissional em alguns momentos, em outros, grosseiro e cruel. O porque dessa mudança? Ainda não compreendia o que havia feito pra Marcus tornar-se tão duro com ela, deixando-a vulnerável e insegura. Mas, uma coisa não mudara, a atração 200 volts que sentia um pelo outro.
Claro que Letícia seria uma pedra no seu sapato, que estaria cercando Marcus para findar seus objetivos de conquistar tudo que Thaíssa amava. Durante a leitura eu me perguntava: Será que Marcus cederia aos seus flertes? Será que Thaíssa conseguiria viver mais essa frustração? Conseguiria finalmente Letícia destruir a felicidade de Thaíssa? 
Quer saber?  
Leia!

Impressões:

Quando iniciei a leitura de Xeque-mate, logo de cara admirei a capa, percebi que tinha em minhas mãos um livro new adult com cenas quentes e esbanjando sensualidade. Sim, ele teve seus momentos hot, mas, não foi o tempo todo, o romance, a vilania e reviravoltas davam mais destaque ao livro.

Gostei muito do Sexy Marcus, transmitia um amadurecimento em todas as áreas, fosse profissional ou amorosa, me deixou satisfeita por sua postura, embora não tenha engolido o seu desaparecimento no inicio do livro, mesmo depois de explicado, não aceitei! Bom, nem tudo é perfeito. 

Já Thaíssa, achei-a muito insegura e cabeça-dura para umas coisas e avançadinha para outras (ambos casos desnecessários). Acho que o meu sangue quente falava mais alto, eu teria avançado o sinal e quebrado a cara de um e agarrado o outro, sem pestanejar! Não gosto de mimimi, nem de ser saco-de-pancada. Mas, ninguém é igual a ninguém, tenho que respeitar o personagem e seu jeito de ser...  :D

O Livro se arrastou em um determinado ponto, não sei se eles trabalhavam demais, ou sou eu que não aguento mais trabalhar! hahaha! Mas, cada vez que a antagonista aparecia eu vibrava, porque adorava o barraco que se formava e ficava esperando alguém finalmente dar o troco na mal amada víbora. 

O Casal, Thaíssa e Marcus foram feitos um para o outro, desfrutaram dos melhores momentos juntos, participaram das melhores cenas eróticas juntos, fizeram sexo na rua, na chuva, na fazenda, só faltou a casinha de sapê. ;) Tiveram seus altos e baixos, desentendimentos e entendimentos como todo casal normal. Foi merecedor o final, e talvez esperado por todos.

Teve um ponto negativo que espero de coração que haja correção antes de publicá-lo, algumas falhas gramaticais e ortografia. Notei também que alguns diálogos entre os personagens se perdiam, não havia a mudança na fala simbolizadas por meio de travessões, até mesmo do narrador, causando uma certa confusão na hora da leitura. Me incomodou isso, mas como li apenas o manuscrito, eu acredito que o livro publicado não terá essas falhas, portanto prefiro me concentrar apenas na trama.

Em suma, posso finalizar dizendo que este livro vai agradar as leitoras avidas por uma aventura quente esbanjando sensualidade, fagulhas, suspense, tensão e muita reviravolta. Meninas, preparem-se pra conhecer Marcus e seu olhar mais sedutor do mundo!. 

Boa leitura

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Resenha: Versos Sombrios - de Bianca Carvalho

Versos Sombrios
Trilogia das Cartas - Vol. II

Autora: Bianca Carvalho
Nº de páginas: 290
 Música tema: Touch – Daughter
   Classificação:

Sabe aquele livro que você tem carinho por tudo que o livro te causou no decorrer da leitura, 
então é com muito carinho que apresento Versos Sombrios para vocês.
Leiammmmmmmmm... kkkkk Sem pressão pessoal, apenas empolgação de uma leitora! ;P


"O bem e o mal conectados por palavras e um destino."

Sinopse

A segunda carta de Lolla Dewitt é revelada, com seu último desejo para Cailey DeWitt. Cailey tem o dom das palavras. Quando escreve, ela consegue transmitir sentimentos, se conectar com a história de qualquer pessoa e até curar corações partidos. Porém, seu dom pode se tornar um pouco mais obscuro que isso. Lolla pede que ela envie uma de suas belas poesias a Jayce Hernandez, um detetive amargurado que perdeu a mulher amada e se afundou em escuridão. Por mais que Cailey não o visse com bons olhos, atendeu ao pedido da avó, e sua mensagem trouxe uma nova esperança para o policial. Contudo, Jayce logo tem a oportunidade de retribuir a ajuda de Cailey, que se vê perseguida por um assassino perigoso, capaz de se comunicar telepaticamente com ela através de seus textos. Tentando se salvar de um homem obcecado, Cailey precisa contar com Jayce para proteger-se. Mas o que ela não contava era que os segredos que iria descobrir poderiam mudar sua vida para sempre.


Resenha

O livro Versos Sombrios é o segundo da Trilogia das cartas da autora Bianca Carvalho. Apaixonada por suspense romântico e com toque sobrenatural, a autora tem como inspiração os mestres Nora Roberts e Sidney Sheldon. As obras dessa autora são sucesso garantido!

Em Versos sombrios, a jovem e sonhadora Cailey DeWitt sempre foi apaixonada pela vida e acreditava que um dia poderia encontrar seu grande amor. Ela possui o dom de compreender os sentimentos dos outros. E com seus lindos versos como mágica traz conforto ou auxilio para os necessitam. Infelizmente devido um traumático acontecimento no primeiro livro, Cailey torna-se uma pessoa introvertida e sofrida. No entanto ao receber a carta de sua avó, começa a sentir a seriedade e a responsabilidade de ser dona de uma dádiva tão poderosa.

"Ela também era silenciosa como aquele céu...  sem lágrimas, sem gritos, apenas dor".

Após ajudar o delicioso policial Jayce Hernandez com poder de seus versos, pedido feito na de sua avó, Cailey ganha um amigo e protetor. E com esse amparo ela enfrentará de maneira intrigante um assassino em série intitulado "Poeta Sombrio” que começa ameaça lá, conectando se á ela de uma forma impressionante e perturbadora.

... Estou disposto a protegê-la de qualquer coisa, de qualquer mal. 
E vou cuidar para que esse louco nem se quer chegue perto.

Jayce com jeito de herói latino ajuda a descobrir quem é o responsável por esta maldade, ganhando assim o coração de Cailey aos poucos. A aproximação entre eles é intensa, com uma química perfeita. Nascendo um romance recheado de mistérios, amor, paixão e muitas cenas quentes.

“- Jayce, eu não acho uma boa ideia”... 
- disse sem muita certeza, tentando se desvencilhar de seus braços.

- Diga que não quer e eu a deixo ir, caso contrário, não irá a lugar algum. - havia autoridade em sua voz e Cailey não tinha coragem de mentir para ele. Então ficou calada e não o encarou. - Sei que você também quer, então me deixe beijá-la. Estou desesperado por isso. - ele sussurrava pedindo, quase implorando.

No primeiro livro da trilogia, Jardim da Escuridão me encantei com as DeWitt e poderes mágicos. No entanto Versos Sombrios foi um livro que me surpreendeu muito. O mistério é o ponto forte.  Seu enigma perturbador foi essencial para que me conquistasse.

"Deus não lhe daria um dom tão grande e poderoso se você não 
fosse merecedora e capaz de suportá-lo. Use-o, mas com cuidado.
O poder de interpretação de cada pessoa é muito perigoso."

A história apresentada em 3ª pessoa com um desenvolve impecavelmente, até porque a escrita da Bianca Carvalho é maravilhosa. A construção dos personagens principais é sensacional. Tanto Jayce quanto Cailey no decorrer da leitura apresentam um amadurecimento fantástico regado de autoconfiança e determinação, dando a chance para felicidade novamente. A trama me fez sorrir, me emocionar e até chorar. Diversos sentimentos afloraram, um deles foi à vontade de gritar de ansiedade, o que acabou prendendo minha atenção.

- Chega de fugir, Cailey. Não vou deixar você escapar dessa vez! - dizendo isso, ele a ergueu do chão alguns centímetros, o suficiente para que ela ficasse na altura ideal. Com o braço livre, colocou a mão em sua nuca e encostou lábios com lábios.

Contei os dias para lançamento de Versos Sombrios na Bienal do Livro no Rio de janeiro em 2013. Quem me conhece sabe que sempre nutri um carinho por essa Trilogia por diversos motivos, um deles foi o fato de despertar a paixão por livros – antes não assumida.
  
O livro é perfeito. Na medida certa para quem curte um suspense romântico com uma pitada boa de policial. Sou fã da autora e da pessoa que ela é. Sempre carinhosa e atenciosa com leitores. Ela é tão fofa, que preparou um lindo poema surpresa no livro. Fiquem atentos no inicio dos capítulos!

“...Curando aos poucos um espírito ferido
E mesmo que sombras impeçam a luta
Tudo o fim irá recompensar
Pois será o amor, então, a triunfar."

Por Bianca Carvalho

E por último e não menos importante! 

Parabéns para Editora Era Eclispe pela qualidade desta obra. Diagramação perfeita, folhas escurecidas dando um toque sombrio e uma belíssima Art da capa. Com esses detalhes o Livro tem vida própria e personalidade única. Sempre que posso recomendo a trilogia para amigos e conhecidos!

*****

AGUARDEM O LANÇAMENTO DA CONTINUAÇÃO DA TRILOGIA DAS CARTAS!

Sabores Mortais
Trilogia das Cartas - Vol. III


                                   "Todo e qualquer segredo, um dia precisa ser revelado...”.

Finalmente a última carta de Lolla é aberta, revelando o destino da última das mulheres DeWitt: a doce e responsável Tatianna. Em meio à descoberta de seu próprio dom, receitas mágicas, uma paixão avassaladora e enigmas que não parecem levá-la a lugar algum, Tatianna investiga o que realmente aconteceu em passado, enquanto tenta proteger sua vida de um mal contra o qual ela não sabe se é capaz de lutar.
                                                                                                
Recado para Autora Bianca Carvalho:  
“Por favor, lança logo Sabores Mortais!”


quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Resenha: Jardim de Escuridão - de Bianca Carvalho

Jardim de Escuridão
Trilogia das Cartas - Vol. I

Autora: Bianca Carvalho
Nº de páginas: 305
Música tema: Chasing Cars - Snow Patrol
Classificação: 4,5 / 5 


 Prepare para controlar suas emoções e cultivar melhor o seu jardim com novas espécies de flores. 
Por que Bia te trará diferentes aromas que irão combinar perfeitamente com cada capítulo.

“Todo dom pode ser uma bênção ou uma maldição...”


Sinopse

Para Lolla DeWitt, em seus últimos dias, o dom da clarividência, que sempre a acompanhara, serviria para guiar suas netas para seus próprios destinos através de três desejos. A cética Faith se tornou a primeira. Ela tinha o dom de compreender e sentir as flores. Sabia que cada uma tinha o seu significado, uma ligação com as pessoas, como premonições. Porém, ao se tornar viúva, caiu em uma depressão profunda, perdendo completamente a vontade de viver, deixando de acreditar em magia. A princípio, ela não acreditava que um simples pedido poderia lhe trazer de volta a felicidade, mas, mesmo assim, atendeu ao último desejo de sua avó e levou um tipo de flor especial para seu túmulo. Lá, de uma maneira inusitada, conheceu Rowan Allers, cuja irmã gêmea foi brutalmente assassinada por um serial killer. Sentindo uma estranha ligação, quase sobrenatural, com aquela história, Faith resolveu ajudar Rowan a descobrir toda a trama por trás daquele mistério, sem nem saber que suas vidas estavam mais ligadas do que ela mesmo imaginava. Uma ligação perigosa e talvez fatal. 


Resenha

Comecei a ler o livro por indicação de uma doce alma – Paty Nayara- que estava fascinada com a história e louca para compartilhar suas sensações. Mas, terminei por mim mesma.

Me apaixonei aos poucos com a história de Faith e seu dom maravilhoso de entender as flores e ter suas premonições. Uma mulher que se vê no começo do livro perdida e isolada, com a morte de seu marido -Henry- e como “bônus” seu bebê, que aos poucos vai se mostrando determinada a ajudar o -maravilhoso- Rowan Allers a descobrir quem assassinou sua irmã - Ursulla.

Falando em Rowan...  Ele é certamente um dos meus sonhos literários. Um homem atraente, bem sucedido, tentador, persistente e com um coração bondoso. Quer mais? Ele se mostra no livro estar disposto a conquistar o frágil coração de Faith, demore o tempo que for necessário.

“ - Está tentando me engordar? - brincou.
 - Não, estou tentando seduzi-la.”

E que determinação. O romance que nasce entre esses dois é muito intenso, tão intenso que Faith não acredita que esteja sentindo algo desse jeito depois da morte de seu marido, depois de tantas perdas.

“ - Não estou lhe pedindo mais. Será tudo do seu jeito... - falou com calma. Queria que ela sentisse sua paciência.- - Mas não posso negar que estou me controlando para não carregá-la no colo até sua cama e fazer amor com você pela noite inteira.”

“- O que fez comigo, Faith? Foram suas flores mágica  que me deixaram enfeitiçado tão rápido?”

Mas, é quando ela aceita o fato de que também merece ser feliz que tudo melhora. Sério. A cena em que ela FINALMENTE se entrega aos braços acolhedores- e torneados- de Rowan é uma das minhas favoritas.

“- Eu o amo - era simples, natural, sem mais explicações. “

O enredo me pegou. Envolvi-me assim como Faith com o mistério do Assassino das Noivas me sentindo como uma boa detetive tentando desvendar quem era nosso killer.
E não é como se houvesse poucos suspeitos, Bia nos dá pistas e pistas para que você possa suspeitar e se pegar dizendo  “Não pode ser” .

“ (...) Preciso de uma atitude nobre para que algum dia você possa me perdoar - ele sabia que ela jamais o perdoaria, mas esboçou um sorriso.”

O livro é narrado em
pessoa, o que de fato me atraiu também - apesar de estar acostumada a ler em 1ª pessoa, eu gosto de ter uma visão mais ampla e melhor de todo o ambiente no livro, sem as limitações.  Acho que o único fato que me incomodou um pouco foi o uso de pontos de exclamação nos diálogos em certas horas. Mas, eu comecei a ignorá-los e minha leitura ficou sem dúvida mais agradável.

Quando chega à reta final, nos últimos capítulos, a Bianca te prende mais ainda, de um jeito como se fosse o último capítulo da novela das oito. Sou incrível, eu estava chegando já no capítulo 17 /18 dentro do metrô de volta para casa quando de repente soltei uma
Mentira! Não creio!”, minha sorte era que a minha irmã tava junto do meu lado para passar vergonha junto comigo. hihihihi :)

Misturando o suspense de um bom thriller policial com um romance que se constrói aos poucos no mais completo estilo “awn *--*”, Jardim de escuridão deixa suas marcas se tornando um livro com as mais deliciosas reviravoltas.


P.S.: Confessando aqui, que quando conheci a Bia em um evento literário me controlei muito para não gritar em alto e bom som “vou sequestrar sua mulher pra mim” ao marido dela. Ela é um doce de pessoa e sua escrita leve me contagiou. Mas, o mínimo de juízo que eu tenho, fez com que eu me poupasse desse mico. 




terça-feira, 19 de agosto de 2014

Resenha: A Desconstrução de Mara Dyer Trilogia Mara Dyer - Livro 01 - Michelle Hodkin


A Desconstrução de Mara Dyer 
Michelle Hodkin 
Trilogia Mara Dyer - Livro 01 

Sinopse: Um grupo de amigos... Uma tábua ouija... Um presságio de morte. Mara Dyer não estava interessada em mensagens do além. Mas para não estragar a diversão da melhor amiga justo em seu aniversário ela decide embarcar na brincadeira. Apenas para receber um recado de sangue. Parecia uma simples piada de mau gosto... até que todos os presentes com exceção de Mara morrem no desabamento de um velho sanatório abandonado. O que o grupo estaria fazendo em um prédio condenado? A resposta parece estar perdida na mente pertubada de Mara. Mas depois de sobreviver à traumática experiência é natural que a menina se proteja com uma amnésia seletiva. Afinal, ela perdeu a melhor amiga, o namorado e a irmã do rapaz. Para ajudá-la a superar o trauma a família decide mudar para uma nova cidade, um novo começo. Todos estão empenhados em esquecer. E Mara só quer lembrar. Ainda mais com as alucinações - ou seriam premonições? - Os corpois e o véu entre realidade, pesadelo e sanidade se esgarçando dia a dia. Ela precisa entender o que houve para ter uma chance de impedir a loucura de tomá-la....

Resenha
A desconstrução de Mara Dyer é um thriller psicológico e que ainda tem um pouco de romance, confesso que o livro me conquistou logo de cara, com uma narrativa envolvente em primeira pessoa alternando entre passado e presente eu simplesmente ficava vidrada em cada lembrança da Mara, não tem como não surtar junto com ela, por várias vezes me peguei em dúvida se o que acontecia era real ou alucinação, simplesmente perfeito, as cenas de um filme se passavam em minha cabeça.


“A garota no espelho sorriu. Mas ela não era eu.”

A trama já começa com um quê de terror, adolescentes brincando com uma tábua ouija, quando uma das pessoas da brincadeira pergunta como ela vai morrer o tabuleiro simplesmente escreve “MARA”, um tempo depois um desmoronamento em um hospital abandonado acaba matando todos os presentes na brincadeira, exceto a protagonista Mara Dyer.
Mara acorda em um hospital e acaba bloqueando suas memórias e não consegue se lembrar de nada que aconteceu, e logo depois começa a ter alucinações, então ela e sua família decidem se mudar para outro lugar para que Mara consiga recomeçar. Na nova escola Mara irá conhecer um badboy lindo de morrer chamado Noah e logo os dois começam uma amizade e quem sabe um romance possa surgir, o leitor vai torcer muito por isso.
O livro é muito profundo e no final tem um reviravolta que até agora não sei se é alucinação ou realidade, ou seja to surtando junto com a Mara e eu preciso de A evolução de Mara Dyer para ontem. Se virar filme e for bem feito vai ser sensacional.

Não posso deixar de comentar a capa maravilhosa desse livro que deixa o leitor altamente intrigado.

Recomendo muito a leitura para quem curte esse tipo de gênero, com certeza levou 5 estrelas e entrou para os favoritos.


Classificação

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Lançamentos de Agosto do Grupo Editorial Pensamento

Olá amigos do Cia!
Vamos hoje apresentar os Lançamentos de Agosto do Grupo Editorial Pensamento.
Anotem e visite o estande da Editora na Bienal do Livro SP na Rua J estande 298.
Timestorm
Porque, do Destino, Não Há Como Escapar
Série: Tempest
Julie Cross

Sinopse: A batalha entre o Tempest e o Eyewall, as duas divisões da CIA que combatem as ameaças relacionadas a viagens no tempo, chega a uma conclusão chocante neste último livro da trilogia Tempest. Agora, a busca pela sobrevivência estende os limites da história, tanto no passado quanto no futuro, e o mundo que Jackson Meyer conhecia se torna um lugar marcado para sempre pelos efeitos nocivos das viagens no tempo. Após escapar das garras da morte depois da sua mais longa viagem, ele constata que precisa deter os experimentos de Thomas e do Dr. Ludwig na sede do Eyewall. O que se inicia como um plano de fuga torna-se uma guerra entre o tempo e a humanidade, entre o livre-arbítrio e a paz.
O tempo que nunca foi  
2º volume da Trilogia Amber House
Kelly Moore, Tucker Reed e Larkin Reed
Ecos de Um Mundo que Nunca Existiu

Sinopse: Depois da morte da avó, Sarah Parsons vai morar em Amber House, a centenária propriedade que pertence à sua família há gerações. Mas Sarah começa a ter uma sensação de que algo está de alguma forma errado. As coisas estão melhores para Sarah e sua família, mas outras estão muito diferentes e não mudaram para melhor. Com memórias confusas e uma enorme sensação de déjà-vu, Sarah percebe que fez uma escolha que transformou tudo – e agora ela tem que escolher tudo outra vez. Com a ajuda de Amber House, que lhe traz visões de seus antepassados, e seu amigo de infância, Jackson, ela consegue se lembrar de como as coisas deveriam ser e planejar uma ousada missão que vai redefinir o universo mais uma vez. Sarah precisa descobrir o que mudou e como pode corrigir isso, antes que seja tarde demais.
Dois irmãos, uma guerra
Ben Elton
Baseado em Fatos Reais
BERLIM, 1920 Dois bebês nasceram unidos, inseparáveis, gêmeos em tudo... Menos no sangue!

Sinopse: Dois Irmãos, Uma Guerra é a história comovente de dois garotos nascidos em Berlim, em 1920 – um judeu e seu irmão adotivo ariano –, criados como gêmeos por pais judeu-alemães, à sombra do Nazismo. Mas, com a mudança do cenário político, eles acabam em lados opostos durante a Segunda Guerra Mundial – um fazendo parte da Waffen-SS e o outro, do exército britânico – e têm que se confrontar com uma escolha inimaginável, que mudará completamente o destino de ambos. Qual deles sobreviverá? Como irão enfrentar a terrível verdade oculta em seu passado?

Hannah e Emil
Uma História Irresistível
Belinda Castles
Baseado em Fatos Reais
Um Grande Amor e Coragem em Tempos de Desespero

Sinopse: Emil e Hannah vivem em meio ao turbilhão da primeira metade do século XX. Emil, um alemão veterano da Primeira Guerra Mundial, ao voltar para casa, encontra uma nação turbulenta em meio à frenética agitação política da recém-criada República de Weimar. Seu envolvimento com a resistência contra a política de extrema direita do nascente Partido Nazista termina por forçá-lo a abandonar sua família e seu lar. Hannah, uma judia russa determinada a ganhar o mundo, sai de casa para percorrer a Europa... Em Bruxelas, ela encontra um Emil arrasado. Por um breve período, ambos apaixonados, fazem da Inglaterra seu lar. Porém, a tão temida guerra causada pela Alemanha estoura, e Emil, um estrangeiro, considerado inimigo, é preso e em seguida enviado para longe. Hannah, determinada a encontrá-lo, prepara-se para uma viagem perigosa e solitária através dos mares em busca de seu grande amor.

Morri para Renascer
Anita Moorjani, Prefácio do Dr. Wayne W. Dyer
Minha Jornada Através do Câncer, Uma Experiência de Quase Morte e a Descoberta da Verdadeira Cura

Sinopse: Anita Moorjani relata sua luta contra o câncer durante quase quatro anos e compartilha tudo o que aprendeu a respeito da doença, da cura, do medo, do amor e da verdadeira magnificência de todo ser humano! Quando seus órgãos entraram em falência, Anita teve uma extraordinária experiência de quase morte, em que descobriu seu valor intrínseco como ser humano e a verdadeira causa de sua doença. Ao recobrar a consciência, o estado de Anita melhorou tão rapidamente que ela teve alta do hospital semanas depois – sem nenhum vestígio de câncer no corpo! Nesta autobiografia, ela conta histórias da sua infância em Hong Kong, do seu desafio para consolidar sua carreira e encontrar o verdadeiro amor, e também como acabou indo parar naquela cama de hospital onde desafiou todo o conhecimento médico com o milagre da sua cura inexplicável.

Cinema Transcendental
Lyn e Tom Davis Genelli
Um Guia de Filmes Sobre a Vida Após a Morte

Sinopse: Inspirando-se no Livro Tibetano dos Mortos, no Budismo e na psicologia profunda, Tom e Lyn Genelli discutem neste guia bem fundamentado, alguns dos filmes mais significativos de todos os tempos, do ponto de vista espiritual. Os autores mostram que desde a década de 1930, filmes de sucesso que tratam da vida após a morte, como A Felicidade Não se Compra (1946), Poltergeist (1982), Ghost: Do Outro Lado da Vida (1990), Entrevista com o Vampiro (1994), O Sexto Sentido (1999), Os Outros (2001), desempenham um papel importante – e em parte inconsciente – na sociedade, ao ajudar a humanidade a compreender o significado e o propósito da morte.

E dia 23/08, às 11h, acontecerá o II Encontro Literário da Jangada com blogueiros e leitores na Bienal do livro SP.
Participe desse grande evento que contará com um bate-papo com o  editor do Grupo Editorial Pensamento e com os blogs: Perdido em palavras e Drafts da Nica.

Terá brincadeiras bem divertidas, valendo prêmios, além de sorteio de Kits exclusivos da Editora.

E todos os que participarem do evento, ganharão 50% de desconto nos títulos da Jangada. Isso mesmo, uma oportunidade imperdível para você comprar aqueles livros da Jangada que tanto quer ler.

Não perca.
Confirme sua presença na página do evento: http://zip.net/bppk7W


sábado, 16 de agosto de 2014

Resenha:Estranha Perfeição - de Abbi Glines

Estranha Perfeição

Autora: Abbi Glines
Série: Perfeição # 01
Saga: Rosemary Beach # 03
Trilha sonora: Secret – Maroon 5
Editora: Arqueiro
Nº de Páginas: 208
Lançamento: 03/06/2014

"Você abriria mão do seu futuro pela pessoa certa?"

SINOPSEDella Sloane não é uma garota comum. Ansiando se libertar do seu passado sombrio e traumático, ela planeja uma longa viagem de carro em busca de autoconhecimento e dos prazeres da vida real. Por ironia do destino, ela conhece o jovem Woods Kerrington. O que ela não sabe é que Woods é o herdeiro do country club Kerrington e está de casamento marcado com Angelina Greystone, uma união arranjada que culminará na fusão de suas empresas, garantindo o futuro profissional do rapaz. Uma noite despretensiosa parece a solução perfeita para Della e Woods fugirem por um tempo de tanta pressão. Do passado que ela gostaria de esquecer. Do futuro de que ele tantas vezes tentou escapar. Mas eles não poderiam prever que a atração os levaria a algo mais quando os seus caminhos se reencontrassem. Agora precisam aceitar suas estranhezas para descobrirem a perfeição. Se você é fã da série Sem Limites, vai adorar este delicioso romance ambientado no mesmo universo sedutor criado por Abbi Glines. 

RESENHA

O livro começa descrevendo o empolgante e delicioso encontro entre Della Sloane e Woods Kerrington em Rosemary Beach. Após esse encontro sem compromisso, ambos seguem com suas vidas com destinos opostos. Marcados pelas lembranças da única noite em que se entregaram ao prazer de esquecer todos seus problemas, obrigações e traumas. Colocando como regra apenas o desejo de ser feliz em prática.

" Tenho que aprender a lidar com isso sozinha. Viver sem ajuda. 
Esse é o motivo dessa viagem. 
Preciso me encontrar e fazer uma vida pra mim ... " - Della

Como todos nessa vida, nosso casal também possuem seus medos, sonhos e passados marcados por alguma tristeza. A destemida Della passou por muita coisa difícil e está tentando descobrir o seu “EU”. Marcada por um trauma pesado que dilacerou sua família e ela por inteira, ela pega a estrada sem destino com intuito de reconstruir sua vida. Nosso mocinho Woods com jeito de príncipe encantado garanhão, possui a responsabilidade de ganhar a confiança do seu pai através um casamento que servirá para fortalecer os negócios da família. Mesmo contrariado, ele aceita a condição imposta por ser sua única chance de ganhar o cargo de vice-presidente do Country Club Kerrington, patrimônio da família e o sonho de toda sua vida.  

"A única coisa que temos a temer é o próprio medo." - Della

Após mais uma mão abençoada do destino, Della retorna à Rosemary Beach e acaba aproximando-se de Woods. Eles tentam evitar aproximação, mas a atração é incontrolável. Nascendo assim uma paixão que mesmo estranha para ambos, a perfeição deste sentimento é unicamente revigorante. Woods começa a medir o peso dos seus sentimentos por Della e as exigências da sua família. E Della se deparar com a necessidade lidar com seu trauma e as consequências que veio com ele. A paixão e o desejo serão o estopim para que Della e Wooods alcancem a liberdade ansiada de por ambos mas de maneiras distintas.

“Até Della entrar na minha vida eu
não entendia a ideia de amar. Eu nunca tinha estado apaixonado e
experimentei muito pouco de amor na minha vida.” - Woods


MEU PONTO DE VISTA

Todos os livros da Saga Rosemary Beach ganharam meu coração. Quando li Paixão Sem Limites sinceramente achei que o Woods seria mais um vilão metido a besta que iria odiar, mas em Tentação sem limites ele ganhou coração com seu jeito protetor e amigo, quando soube que ele teria sua própria série pulei de felicidade e enlouqueci quando lançou.

Estranha Perfeição não me decepcionou, adorei o livro. Me emocionei com revelação do mistério envolvendo a vida da Della. A personagem me ganhou, apesar do seu jeito descompromissado. Compreendi suas vontade e receios. Em relação ao Woods, no inicio houve momentos que senti vontade de entrar no livro e dá umas porradas nele por sua falta de coragem e por simplesmente acatar tudo que seu pai determinava. Mais depois veio os suspiros, super curti suas atitudes em relação á Della e a conquista de sua própria vida. O modo de lidar com trauma dela, a maneira que transmitiu confiança e proteção é lindo de ler. Woods ganhou meu coração e subiu no meu conceito dos Boys literários.  

O enredo é gostoso de ler, as cenas são envolventes e sensuais. O livro também aborda sobre síndrome do pânico, mas sem aprofundamento. A história é narrada pelo ponto de vista de Woods e Della e se desenvolve muito bem, adorei este fator porque assim podemos saber o que cada um está sentindo ou pensando em relação a cada situação. Devorei o livro e quando terminei, senti uma necessidade de querer logo o  próximo, porque o desfecho é chocante.

A autora Abbi Glines escreve News Adults com excelência. Seus livros são envolventes e deliciosos de ler. A escrita é rápida, clara e objetiva, mas com riqueza de detalhes quando necessário. Enfim, está na lista dos favoritos! 

Classificação



Conhecendo Abbi Glines...

Nasceu em Birmingham, Alabama. Morou na pequena cidade de Sumiton até os 18 anos, quando seguiu o namorado do colégio até a costa. Começou sua carreira como escritora ao autopublicar seus livros no Amazon, e com o sucesso vieram às editoras. Entre as sagas de Abbi estão a trilogia Too Far, Sea Breeze, e The Vincent Boys. Atualmente os dois moram com seus três filhos em Fairhope, Alabama. Autora de diversos livros da lista de mais vendidos do The New York Times, Abbi é viciada no Twitter (@abbiglines) e escreve regularmente no seu blog (www. abbiglines.com). 


Saga rosemary beach e suas três séries!

O livro resenhado acima é o primeiro livro da série Perfeição e o terceiro da Saga Rosemary Beach,  que é dividida em outras duas séries chamadas Sem Limites e Chances. A Série Sem Limites já possui dois livros lançados no Brasil, já a Série Chances estamos aguardando novidades. As histórias as 03 séries são de casais diferentes. Cada uma com sua própria trama. Todas são narradas no mesmo ambiente uma cidade praiana chamada de Rosemary. Para felicidade dos leitores a Saga Rosemary Beach já esta sendo lançada com a qualidade da Editora Arqueiro. 



Próximos lançamentos da saga...

O próximo lançamento será Amor sem Limites, o terceiro livro da série Sem Limites com previsão para outubro  deste ano. No inicio de 2015 teremos o segundo livro da série Perfeição, ainda não foi divulgado á tradução do titulo, o original é Simple Perfection. Aguardando ansiosa por todos os demais livros desta maravilhosa Saga New Adult.


E que venham mais de Abbi Glines para acabar com a minha sanidade!!!